ProdutosAzeite Serra de Sicó

Observar o vale e fixar o olhar no olival é um antigo exercício mediterrânico que dá frescura e alguma sombra aos olhares quentes das gentes de Sicó. As paisagens de olival antigo e, mais recentemente, de novos terrenos a olival plantado a rigor, conferem a certeza de que no calcário a oliveira é uma das poucas espécies que consegue criar raízes como ninguém.

O seu processo é um caminho de sofrimento: a monda da oliveira, a apanha, a arte dos lagares salgando a azeitona, moendo-a, depois o aperto nas prensas e, por fim o azeite.

Na serra de Sicó ainda se encontram alguns lagares com este processo tradicional de fabrico, contudo, cada vez mais se aposta nas novas tecnologias que permitem outras soluções ambientais e também nas novas soluções de produção e comercialização com engarrafamento próprio.

Associado a este processo surgiram mais recentemente os produtores engarrafadores, que nos permitem colocar no mercado um azeite biológico certificado, de sabor único, com controlo de qualidade adaptado às exigências dos consumidores.

O azeite serra de Sicó acompanha a tradição da gastronomia que se pratica na sub-região: o cabrito e o borrego de Sicó, os doces tradicionais, "as lagaradas" com bacalhau e batatas assadas no lagar, regados a azeite na época da sua fabricação.

O azeite Serra de Sicó é ainda essencial para a conservação dos enchidos, em potes de barro, bem como para o Queijo Rabaçal que, depois de curado, surge no mercado em pequenos frascos com azeite e ervas aromáticas. Para saboreá-lo é necessário: um pedaço de pão, um prato de azeite, e depois molhar e provar... simples e saboroso como todos os sabores da Serra de Sicó.

Azeite de características qualitativas intrinsecamente ligadas à região comprovando-se a ligação inequívoca entre a qualidade do azeite e os factores naturais e humanos da sua região de origem - Terras de Sicó, património paisagístico e cultural único.
Descrição do Azeite

Azeites obtidos do fruto Olea Europeia L., por processos unicamente mecânicos, de azeitonas das variedades Galega, provenientes de olivais localizados no maciço de Sicó, com um máximo acidez de 0,8% para o azeite virgem extra e 1,5% para o azeite virgem. São azeites ligeiramente espessos, muito frutados, com cor amarela ouro, por vezes ligeiramente esverdeada, com um sabor e qualidade organoléptica inigualável.

Azeite
Azeite 
zoom

Principais Produtores

AGRIRABAÇAL

Rabaçal
3230-544 Rabaçal

Telef. +351 239 569 474

António Marques Barros & Filhos, Lda.

Ponte Nova
3250-037 Almoster Avz

Telef. +351 236 651 645

António Rodrigues Marto

Lagoa Parada
3240-673 Santiago da Guarda

Telef. +351 236 679 213

Azeites Parreirão

Vale de Aveleira
3250-416 Alvaiázere

Telef. +351 236 636 433

Fax +351 236 636 433

E-mail azeitesparreirao@hotmail.com

João Simões Dias

Rua da Quintinha
Carregal
3250-000 Alvaiázere

Telef. +351 239 676 334

Telem. 917586080

José Alves Gabriel

Venda dos Olivais
3250-430 Rego da Murta

Telef. +351 236 636 154

José da Silva Duarte

Pelmá
3250-430 Pelmá

Telef. +351 249 551 234

José Maria Jordão Monteiro

Vinha da Rainha
3130-433 Vinha da Rainha

Telef. +351 239 676 334

Leopoldino Rodrigues Gaspar

Casal Novo
3240-610 Pousaflores

Telef. +351 236 672 461

Luís Santos Silva

Flandes
3100-339 Pombal

Telef. +351 236 212 967

Manuel Rodrigues Gomes

Ramalhais de Cima
3100-051 Abiúl

Telef. +351 236 921 217

SERRAFINO

Curvina
3250-021 Almoster Avz

Telef. +351 236 651 163

E-mail serrafinocomercioazeites@gmail.com

Organização de Produtores

Logótipo: OLIVISICÓ - Associação de Olivicultores da Serra de Sicó
OLIVISICÓ - Associação de Olivicultores da Serra de Sicó

Rua Políbio Gomes Santos
Edifício do Museu
3240-143 Ansião

Telef. +351 236 676 169

Fax +351 236 676 169

E-mail olivisico@sapo.pt

Empresas

Lagares de Azeite do Rabaçal – Júlio & Filhos, Lda.

Rabaçal
3230-544 Penela

Telef. +351 239 569 119

E-mail lagares.duarte@gmail.com